Câncer em espécie de moluscos é contagioso

Share Button
00
Felizmente, entre humanos o câncer não é uma doença contagiosa. Entretanto, um time da Universidade de Columbia acaba de descobrir um tipo de câncer contagioso em moluscos.
Percebendo a morte desses animais em massa, em várias partes do mundo, os estudiosos começaram a investigar as possíveis causas. Nas colônias de animais, da mesma espécie e até de duas espécies diferentes, as características da doença eram as mesmas, desde o Canadá até a Espanha. Os moluscos ficam doentes, cheios de tumores e em poucos dias morrem.
Inicialmente, a desconfiança era que a doença fosse causada por algum tipo de vírus. Mas, ao confirmarem que não havia nenhum tipo de infecção, veio a constatação de que as células cancerígenas viajam de um bicho para outro na água, contaminando, então, outros indivíduos. A certeza veio porque essas células não compartilham o mesmo DNA dos animais mortos, ou seja, elas vêm de fora.
Quando os doentes morrem, as células ainda sobrevivem por algumas horas na água, contaminando outros bichos. No mundo animal, esse não é o único caso relatado de câncer transmissível. Entre o cães, existe um único tipo de câncer sexualmente transmissível e, entre os diabos da Tasmânia, um tumor facial que pode ser transmitido pelo contato com a pele.